Por que o ser humano destrói o mundo e a si mesmo? – STOP 31

libertacao-da-vontade-01-274x293abc-trilogia-analitica-01-274x293origem-da-sanidade-01-275x293

O programa mostra que o ser humano tem um grau de intolerância ao bem e que a intenção inconsciente fundamental do ser humano é estragar todo o bem em sua vida (e na sociedade onde vive também).
O filósofo e escritor francês La Rochefoucauld afirmava: “É preciso ser mais virtuoso para suportar a prosperidade do que a sorte adversa”.
Necessidade de conscientização da psico-sócio-patologia individual e social para dar um STOP à Destruição do Mundo e para o ser humano ter uma qualidade de vida melhor.

libertacao-da-vontade-01-274x293A Libertação da Vontade

Este livro mostra que a origem da neurose e de todos os males humanos e sociais está no uso da vontade invertida do homem, ocasionando-lhe todos os prejuízos que vêm sofrendo.

A importância de se libertar da escravidão desse tipo de “liberdade”, ou seja, de se livrar da vontade (errônea). De outro lado, o autor esclarece o valor da filosofia estoicista do Império Romano, dos mais extensos que a humanidade teve, justamente por causa disso.

www.livrariaproton.com.br/produto/a-libertacao-da-vontade-a-libertacao-do-livre-arbitrio

 

abc-trilogia Essência do Ser Humano

ABC da Trilogia Analítica

Explica os princípios fundamentais da Trilogia Analítica (Psicanálise Integral) que unifica ciência, filosofia e espiritualidade.

Escrito em linguagem simples, é dirigido aos interessados na área de psicoterapia, saúde, educação, economia, sociologia, filosofia e a todas as pessoas que desejam orientação.

www.livrariaproton.com.br/produto/abc-da-trilogia-analitica-psicanalise-integral

 

origem-da-sanidade-01-275x293A Origem da Sanidade

“O prazer vem dos sentidos, mas a felicidade vem do psiquismo”.
Nesta obra, Keppe demonstra porque os seres humanos não conseguem obter equilíbrio e satisfação através da vida sensorial: o Pensamento, o Amor e o Belo vêm do Ser (e não dos sentidos).

www.livrariaproton.com.br/produto/a-origem-da-sanidade

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*